Especialidade de Répteis Respondida

| |

21 de setembro de 2018

Especialidade de Répteis Respondida

Especialidade de Répteis, se você não tem, vem conferir e não esquece de compartilhar com seus amigos!

Especialidade de Répteis

1. Que características um animal precisa ter para ser classificado como réptil?

R: Os répteis são animais que rastejam e são providos de uma pele em forma de uma dura carapaça ou escamas que os  protegem. São pecilotermos (sangue frio).

2. Qual o nome da substância que impermeabiliza a pele dos répteis?

R: O nome dessa substancia é queratina, sendo uma proteína impermeabilizadora, que faz com que a pele desses animais não percam muita água para o meio ambiente.

3. Quais são as principais ordens em que a classe dos répteis é dividida? Citar 2 exemplos para cada ordem.

Quelônios: Jabutis, cágados e tartarugas marinhas, aproximadamente 300 espécies.
Crocodilianos: Crocodilos, aligátores, jacarés, e gaviais, aproximadamente 25 espécie.
Squamata: Serpentes e lagartos, aproximadamente 5.700 espécies.

Rincocéfalos: Ordem representada por uma única espécie, o tuatara.

4. Identificar, pessoalmente ou em imagens, um cágado, tartaruga marinha e jabuti.

tipos-de-tartaruga.png

5. Dar o nome de 15 répteis encontrados em sua região. Dizer onde vivem, seus hábitos alimentares e sua importância na economia.

Item prático.

6. Citar 5 répteis venenosos de sua região, descrevendo cada um em termos de localização de presas e distribuição geográfica.

R: Os únicos répteis venenosos são os ofídios. No Brasil, destacam-se 4 grandes grupos: cascavéis, jararacas (urutu-cruzeiro e cotiara), corais-verdadeiras e surucucus. Encontrados em todo o território nacional.

7. Dizer o que fazer se for mordido por uma cobra peçonhenta.

– Lavar o local da picada apenas com água, sabão ou soro fisiológico.

– Manter o paciente deitado e o mais calmo possível, porque agitado o sangue se espalha mais rápido e o veneno também.

– Manter o paciente hidratado, dando pequenos goles de água a ele.

– Procurar o serviço médico o mais rápido possível, como sempre frisamos somente médicos podem prescrever um medicamento a uma vitima de qualquer acidente.


– Se possível, levar o animal para identificação (morto ou vivo). Se não for possível filme ou fotografe. A identificação do animal, por uma pessoa capacitada faz com que o soro correto seja aplicado já que cada cobra precisa de um soro diferente.

8. Dizer o que fazer se for mordido por uma cobra não peçonhenta.

Pare o sangramento. É improvável que mordidas de cobras não venenosas ameacem a sua vida, mas elas ainda precisam de primeiros socorros a fim de evitar uma infecção. Trate a mordida de uma cobra não venenosa como um ferimento pontual; o primeiro passo é aplicar pressão com firmeza sobre a ferida, com gaze estéril ou bandagem, para não perder muito sangue.
Não trate a ferida desse modo a menos que você tenha certeza de que a cobra em questão não é venenosa. Se houver qualquer dúvida, é importante buscar atenção médica imediatamente.

Limpe as feridas cuidadosamente. Lave-as com água limpa e sabão por diversos minutos. Lave a ferida profundamente com água e, a seguir, repita a lavagem. Seque-a com um pedaço estéril de gaze e depois use uma bola de algodão com álcool, se disponível.

Trate a ferida com unguento antibiótico e uma bandagem. Aplique uma fina camada de unguento antibiótico sobre a ferida limpa. A seguir, coloque uma bandagem. Isso a protegerá e ajudará a evitar infecções.

Procure auxílio médico. O médico fará o possível para que a mordida esteja limpa e bem cuidada. Sinta-se livre para perguntar se é necessário algum cuidado posterior, incluindo a possibilidade de uma vacina antitetânica.

Esteja atento à ferida enquanto ela se cura. Mesmo mordidas de cobras não venenosas podem levar a infecções. Procure por qualquer sinal de infecção, como vermelhidão ou estrias. Se você observar algo anormal, consulte o seu médico para verificá-lo.

Beba uma grande quantidade de fluidos durante a recuperação. É importante manter-se bem hidratado enquanto o corpo se cura da mordida da cobra. De modo geral, você deve esforçar-se para beber aproximadamente dois litros de água por dia.

9. Completar uma das tarefas a seguir:

Item prático.
(Aqui nesse link você encontra uma tabela).

a) Comparar lagartos, cobras, tartarugas e crocodilos quanto ao modo de vida, variações nos olhos e orelhas, dentes, coração, pulmões, membros, rabo e escamas.

b) Manter um pequeno réptil num terrário e fazer um relatório de seus cuidados, durante, pelo menos, 3 meses. (Ao cumprir este requisito, esteja certo de não estar infringindo nenhuma lei de seu país).

10. Ser capaz de contar 2 histórias da Bíblia nas quais um réptil teve papel importante.

 Eva e a serpente (Gênesis 3).
    Arão e a vara que virou serpente (êxodo 7).

    Moisés e a serpente de bronze (números 21:4-9).

Sites que usei para fazer a especialidade.
fuiacampar.com.br | pradesbravadores.com | pt.wikihow.com

-- --

Gostou da especialidade, te ajudou ou tem alguma dúvida? Deixe nos comentários.

Nenhum comentário:

Deixe um comentário. ♡