Especialidade de Papel Machê Respondida

| |

20 de agosto de 2018

Especialidade de Papel Machê Respondida

Especialidade de Papel Machê, se você não tem, vem conferir e não esquece de compartilhar com seus amigos!

Especialidade de Papel Machê

1. Defina o que é a técnica do papel machê, onde teve origem essa arte.

R: Empapelamento – O nome dessa técnica pode parecer estranho, mas empapelar quer dizer, revestir de papel e consiste em transformar objetos em escultura, brinquedos.

Papel Machê – quer dizer papel picado “mastigado”. É uma massa feita com papel picado e misturado com cola branca, dando para moldar objetos de diferentes formatos. É possível fazer esculturas com essa técnica.

Conta a história que o empapelamento surgiu no século XVII em Veneza. Os artesãos ao preparar as famosas máscaras de Carnaval daquela cidade usavam o empapelamento, mas já nessa época dividia espaço com o papel machê para a produção dos adereços.

E o papel machê foi desenvolvido em regiões da China aproximadamente dois séculos A.C. Os chineses que inventaram o papel foram os primeiros a utilizar a polpa do papel machê para moldar capacetes de guerra.

No século VIII, alguns deles foram capturados pelos árabes, durante a guerra contra a Pérsia, e como prisioneiros ensinaram a arte de reciclar. Essa arte chegou até o Marrocos, depois espalhou-se pela Europa, tendo sido os artesãos franceses que iniciaram a sua utilização para fins artísticos, daí a criação do seu nome.

2. O que é Papietagem? Como a papietagem se relaciona ao papel machê?

R: Não confundam papietagem com papel machê, que usa uma massa de papel molhado e liquidificado misturado com cola. A papietagem é uma ramificação do papel machê mas é muito mais simples.

Usa-se qualquer tipo de papel que deve ser rasgado em tiras finas. Sim, rasgados, porque aquelas pequenas fibras que o papel solta ao rasgar facilitam a construção da peça. Depois sobre uma base, que será a estrutura da sua peça, as tiras são coladas uma a uma, sobrepondo-se até se chegar à forma pretendida.

Essa técnica ganhou expressão nas mãos do pintor cubista Georges Braque que a usou pela 1ª vez em 1912 e a chamou de papier collés, ou papéis colados. Popularmente era usada na confecção de máscaras para as festas de fundo profano.

3. Dê o nome de algumas bases que podem ser feitas no papel machê.

R: garrafa PET, caixinhas de papelão de tamanhos variados, etc.

4. Cite 2 tipos de papel machê e saber como prepará-los.

Papel machê feito com jornal e com papel higiênico.

Papel Higiênico – papiermacherecicla.com
Jornal – pt.wikihow.com

5. Saber quais ingredientes são utilizados para a fabricação do papel machê.

R: Papel (folhas de jornal, papel kraft, folhas de caderno ou papel higiênico limpo), cola branca, água, recipiente para misturar a massa.

6. Como conservar a massa e a polpa do papel machê?

R: Coloque em um recipiente um pouco maior e coloque na Geladeira.

7. Que materiais são utilizados para dar formas aos objetos feitos com papel machê?

R: Caso você queira dar forma ao papel-machê (por exemplo, um rosto), amasse a tira para que fique no formato que você quer, coloque sobre a superfície e então passe outra camada de papel-machê para nivelar tudo. Desse modo você pode criar volume, textura e detalhes de forma fácil.

8. Fazer 2 objetos usando as técnicas do papel machê. Pintar e envernizar os mesmos.

Item prático.

Observação: As fabricações feitas nos requisitos anteriores devem ser acompanhadas por um instrutor.

Sites que usei para fazer a especialidade.
www.historiadasartes.com | www.viladoartesao.com.br | www.revistaartesanato.com.br

-- --

Gostou da especialidade, te ajudou ou tem alguma dúvida? Deixe nos comentários.

2 comentários: