Especialidade de Tricô Respondida

| |

21 de maio de 2018

Especialidade de Tricô Respondida


Especialidade de Tricô, se você não tem, vem conferir e não esquece de compartilhar com seus amigos!
SEPARADOR-CURTI-E-BLOGUEI.png

Especialidade de Tricô

1. Saber executar os seguintes pontos e mencionar quais são as abreviaturas dos mesmos:


Caso não saiba executar os pontos, confira esse link.

a. Meia.
R: Abreviatura m.

b. Tricô.
R: Abreviatura t.

c. Laçada
R: Abreviatura laç.

d. Mate simples
R: Abreviatura ms.

e. Mate duplo
R: Abreviatura md.

f. Ponto junto
R: Abreviatura pj.

2. Listar 5 diferentes tipos de lãs e explicar quais são as vantagens e desvantagens de cada um.

Lã (Wool): É a tradicional lã de carneiro, que pode ser de diferentes raças. A Merino, por exemplo, é uma raça de carneiro nobre, que oferece uma fibra super fina, térmica e macia. Um ponto negativo é que as peças de Merino têm uma certa tendência formar bolinhas com o atrito. Mesmo assim recomendo, eu tenho um suéter de merino que adoro pois é muito macio e confortável de usar.

Alpaca: É a fibra que vêm de um animal parecido com a lhama, que lembra um camelo peludo. Peças de alpaca são ótimos isolantes térmicos. Recomendado para toucas, luvas e cachecóis, porém Alpaca pura pode ser muito quente para um blusa. Neste caso acho melhor usar um fio misto de alpaca e lã.

Mohair: Feita do pêlo de cabra cuja raça se chama Angora (não confundir com o coelho Angorá). O mohair da cabra adulta pode pinicar um pouco em contato direto com a pele então procure evitá-lo em cachecóis. Fica muito bem para cardigans. Além do tricô, o baby mohair é ainda uma opção bastante popular de cabelo para customização de bonecas.


Cashmere: Também vêm das cabras, porém do pêlo da barriga das cabras da raça Cashemere. É um fio de luxo, a peça tricotada com cashmere fica extremamente macia e igualmente cara. Uma opção mais econômica é usar um fio que seja misto de cashmere e lã.

Acrílico (Acrylic): Nome chique ? Fibra sintética feita de polipropileno. Na real ? Lã de plástico. Brincadeiras a parte, no atual mercado brasileiro 90% dos fios levam algum acrílico na composição. Tem seus prós e contras. A gama de cores é bem grande, é ótima opção para roupas de criança (fácil de lavar à máquina), barata para inciantes e para projetos mais experimentais. Todos os projetos que mostramos nos Zipervideos básicos de crochê foram feitos com fio acrílico. Mas podem ser ásperos, dependendo da remessa. Já usei fios 100% acrílicos que faziam até um certo ‘barulhinho’. Squeak!

3. Demonstrar como unir um novelo com outro e fazer com que o nó não seja notado em uma peça simples.



4. Demonstrar como arrematar uma peça de tricô.



5. Mencionar os cuidados necessários na lavagem e armazenamento das peças feitas com lã.

Leia aqui sobre.

6. Fazer uma peça seguindo uma receita que tenha, ao menos, 3 diferentes pontos.

Item prático.

7. Fazer 2 peças em tricô, dentre as seguintes opções: luvas, sapatinhos de bebê, gorro, cachecol.

Item prático.

Sites que usei para fazer a especialidade.
br.pinterest.com | www.filodilanabrasil.com

-- --

Gostou da especialidade, te ajudou ou tem alguma dúvida? Deixe nos comentários.

Nenhum comentário:

Deixe um comentário. ♡